Como se proteger de vírus nos computadores dos meus clientes

Como se proteger de vírus nos computadores dos meus clientes

Muitos técnicos acabam tendo os seus equipamentos infectados pelos computadores de seus próprios clientes. Isso acontece quando ele insere o seu pen drive com as ferramentas no computador que pode estar infectado com vírus, trojans ou demais pragas virtuais.

Como estas pragas virtuais são silenciosas, o técnico pode infectar os computadores de outros clientes que for atender depois deste episódio ou até mesmo o seu próprio computador.

Uma forma de evitar este proliferação é travar o pen drive para escrita, desta forma um vírus não conseguiria entrar na unidade removível, mas infelizmente até hoje não há modelos com este recurso disponível no mercado.

Porém, há outra unidade removível que possui tal recurso. Os cartões SDs surgiram para equipar as câmeras fotográficas, mas tem sido usado com frequência em notebooks computadores, tablets e até telefones celulares.

Como se proteger de vírus nos computadores dos seus clientes

Tanto o cartão SD quanto o Micro SD (através do adaptador acima mostrado) podem ter a escrita na sua memória bloqueada por uma pequena travinha com a legenda Lock (destacada com o círculo laranja). Se o computador não tiver um slot para cartões SD, o técnico pode usar um leitor de cartões via USB, comumente encontrado no mercado a um custo muito baixo.

Alguns programas de diagnósticos que são executados sem a necessidade de instalação precisam escrever no local onde estão alguns parâmetros, arquivos de log e etc, por isso, o técnico deve copiar a pasta para o computador do cliente e de lá executar a ferramenta.

Agradecimentos ao nosso cliente Teotônio pela sugestão

2 thoughts on “Como se proteger de vírus nos computadores dos meus clientes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *