Arquitetura Dual Channel

Até hoje vejo os nossos clientes e candidatos perguntando sobre a arquitetura Dual Channel, por isso, resolvi falar um pouco deste recurso que veio ao mercado através do processador Pentium 4 da Intel para aumentar o desempenho das memórias RAM e sua controladora, que não conseguiam acompanhar a velocidade do processador e outros periféricos, como as placas de vídeo 3D.

A arquitetura Dual channel é uma tecnologia que teoricamente duplica a capacidade de transferência de dados das memórias. A controladora de memória utiliza dois canais de dados de 64 bits, resultando em um caminho de 128 bits.

 

Esta arquitetura requer uma placa mãe com o suporte para dual channel e dois módulos de memória DDR, DDR2 ou DDR3 SDRAM. Os módulos de memórias devem ser instalados nos slots combinados, os quais são representados por cores.

 

Não é necessário que os módulos de memórias sejam idênticos, mas é recomendável para uma melhor compatibilidade. Deve-se considerar a mesma velocidade (Exemplo: 800 MHz), as mesmas latências (Exemplo: 5-5-5-15), a mesma capacidade (Exemplo: 2GB), a mesma tensão (Exemplo: 1.6V).

 

É possível combinar um módulo single-sided (módulo com chip de memórias em apenas um dos lados) com módulo double-sided (módulo com chip de memórias em ambos os lados). Memórias com velocidades diferentes podem rodar no modo Dual Channel, embora a placa mãe irá reduzir a velocidade delas para a memória mais lenta. Da mesma forma que se as latências não são as mesmas, a memória que possuir as maiores latências serão adotadas.

 

Certos chipsets da Intel suportam capacidades diferentes de memórias na arquitetura Dual Channel, o qual é chamado de Modo Flex. Enquanto a memória de maior capacidade tem o tamanho equivalente a da memória menor operando em Dual Channel, o excedente opera em Single Channel. Por exemplo: O módulo com 1GB de capacidade pode operar em Dual Channel com outro módulo de 512MB, mas somente os primeiros 512MB deste módulo maior estarão trabalhando em conjunto com a outro módulo de 512MB, enquanto os outros 512MB do módulo maior irão funcionar em Single Channel.

 

Algumas placas mãe só habilitam a arquitetura Dual Channel se as memórias forem idênticas, por este motivo muitos fabricantes de memórias estão vendendo os "Kits de memórias", que consiste em dois módulos idênticos, destinados exclusivamente à arquitetura.

 

Se a placa mãe possuir dois pares de slots de memórias com cores diferentes, você pode combinar nos slots de uma cor (bank 0), módulos de 1GB, por exemplo, e nos slots de outra cor (bank 1), módulos com 512MB. Se todas estas memórias possuirem a mesma velocidade, você terá o recurso do Dual Channel habilitado.

 

Embora o nome sugira que o desempenho das memórias sejam duplicadas, nos testes realizados pela equipe do Tom`s Hardware, constatou-se um aumento de 5% de desempenho nas tarefas com acesso intenso às memórias, mas alguns acreditam que estes testes foram discretos. Já a equipe TechConnect Magazine demonstrou um ganho considerável quando os aplicativos manipulam grandes quantidades de dados na memória, usando blocos de dados maiores do que 4MB

 

Para amenizar o gargalo de desempenho da controladora de memória no novo processador Core i7, a Intel embutiu esta controladora no próprio processador e ampliou a banda de largura de 128 bits para 192 bits, esta nova arquitetura chamada de Triple Channel consiste em triplicar a capacidade de transferências de dados das memórias DDR3, por isso, é necessário agora 3 slots do mesmo banco para comportar 3 memórias idênticas.

10 thoughts on “Arquitetura Dual Channel

  1. Cleiton Marcio dos Santos

    Valeu! Gilson, desde agora vou pondo em pratica a sua dica... Atualizar!
    Abração: Cleiton Marcio

    Reply
  2. Marcio Freitas de Araujo

    Tenho dois pentes de memória espetado no meu computador, mas como faço para saber se o meu computador está em dual-channle?

    Reply
  3. Post author

    Oi Marcio Freitas,

    Se você tiver um desktop, pressione a tecla pause no POST (inicialização do computador) e procure por alguma mensagem como dual-channel ou single-channel, caso você não veja nenhuma mensagem no momento em que você pressionou a tal tecla, pressione ENTER e em seguida pause novamente, até chegar na tela em que as informações sobre processador e memórias forem apresentadas.

    Se você possuir um notebook, o BIOS geralmente é muito "precário", não apresentando tais informações, neste caso, sugiro a execução de um pequeno e simples aplicativo chamado de CPU-Z. Tão simples que não é necessário nem instalação, basta executá-lo diretamente.

    Embora o nome do aplicativo lhe pareça ser destinado ao processador, ele te fornece informações sobre memórias também.

    CPU-Z

    Observe na imagem acima que as memórias do meu notebook estão em dual channel, além disso, o aplicativo lhe informa as latências das memórias, frequência real, capacidade e tipo.

    Link de download: http://www.cpuid.com/download/cpuz_150.zip
    Link da empresa: http://www.cpuid.com/

    Reply
  4. Jeferson

    Gilson, valeu pela dica, só uma pergunta.
    os processadores core i7 aceitam dual-channle?
    ou somente Triple Channel ?? abraços.

    Reply
  5. Marcos Lima

    Olá, Gilson,

    Tenho um notebook que aceita dual channel em capacidades diferentes.

    Mas qual rendimento seria melhor:
    - aproveitar um dos dois pentes de 512 KB que vieram com ele (só tem dois slots) e instalar um pente novo de 2 GB, resultando 2,5 GB, ou,
    - aposentar os dois pentes de 512 KB e instalar dois pentes novos de 1 GB, resultando 2 GB?

    Abraço

    Reply
  6. Post author

    Marcos Lima,

    Embora a diferença de custo seja um pouco maior, aconselho aposentar os 2 módulos de 512MB e adquirir os dois de 1GB, pois provavelmente os seus módulos antigos são mais lentos (latências maiores), o que tornaria o novo pente de 2GB tão lento quanto o antigo de 512MB, pois o módulo mais rápido adotaria a velocidade do mais lento.

    Reply
  7. Marcos Lima

    Agradeço a resposta, Gilson.

    A latência com os pentes DDR2 de 512 MB, informada pelo CPU-Z, é de 4.0 clocks. Outros dados são: Cycle Time 12 clocks; FSB:DRAM 1:2; DRAM Frequency 266.1 MHz.

    Retirei os dois pentes de 512 MB e instalei somente um pente novo de 2 GB e nenhum dos dados acima mudaram no CPU-Z.

    Então pelo visto a latência é a mesma.

    Abraço

    Reply
  8. Bruno

    Dúvida:
    tenho 4gb Kingston em dual latencia 6-6-6-18 e pretendo aumentar a quantidade de memoria na maquina, comprando outro kit de 4GB so que de outra marca, mas a frequencia e a latencia das memórias que vou comprar são as mesmas da que ta instalada aqui, isso influencia em alguma coisa?

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *