Tag Archives: intel

1 Comment

A Intel escolheu seu lado no mercado de energia sem fio , e é a Alliance for Wireless Power (A4WP), que foi fundada pela Samsung e Qualcomm. Esta aliança, que afirma ter mais de 50 membros, incluindo Broadcom, LG Electronics, SanDisk e muito mais, está competindo com o Wireless Power Consortium (WPC) e Power Matters Alliance (PMA) para definir o padrão para o mercado de carregamento sem fio nascente.

...continue reading

Dadi Perlmutter, vice-presidente executivo e gerente geral do Grupo de Arquitetura da Intel, declarou a IDG News Service durante uma entrevista na Computex Taipei 2013 que a empresa está trabalhando em uma versão de baixo consumo de energia da interface Thunderbolt para tablets e smartphones. Se ele realmente chegará em dispositivos móveis vai depender de quão bem WiGig será adotado pelos consumidores.

"Os usuários querem Thunderbolt ou querem WiGig? Eles podem querer tanto um quanto outro. Estamos trabalhando em ambos", disse Perlmutter.

...continue reading

Um relatório  da indústria de Taiwan sugere que a integração contínua de novas funcionalidades em microprocessadores fará com que alguns fabricantes de placa-mãe  saiam do mercado.

A Digitimes reportou que as características (tais como controle de fase de alimentação) que será transferido para o processador Haswell a 4 geração de processadores fabricados em 22 nanômetros da Intel, poderá levar "vários fabricantes low tier" de placas-mãe a sair do mercado no final de 2013.

...continue reading

O novo chipset lançado pela Intel veio para substituir o teu antecessor Z68 e dar suporte aos novos processadores Ivy Bridge (terceira geração dos core i3/i5/i7).

Tanto os fabricantes quanto os consumidores já perceberam a importância na redução no processo de fabricação, mas a Intel continou com 65 nanometros na fabricação dos novos chipset Z77, embora ela já consiga produzir chips de 32 nanometros, como é o caso da nova linha Ivy Bridge de processadores.

...continue reading

3 Comments

O chipset é um conjunto de circuitos integrados em um chip. Ele é o principal componente de uma placa mãe, determinando os recursos e limitações que ela vai ter. Antigamente as placas mãe tinham vários chipsets, cada um com uma função, isso tornava o computador caro e muito complexo, pois a comunicação e a compatibilidade eram precárias.

Com o tempo as funções foram se "juntando" e por muito tempo as placas mãe tinha apenas dois chipsets, o ponte norte (North Bridge) que cuidava dos recursos de alta velocidade, como a controladora de memória, vídeo embutido ou conexões AGP ou PCI-Express.

Já o ponte sul (South Bridge) era responsável pelos recursos de baixa velocidade, como as conexões USB, dispositivos IDE ou SATA, portas serial e paralela, controladora de áudio, rede e etc.

...continue reading

Ao contrário da AMD, a Intel é muito criticada pelos usuários por mudar de tecnologia rapidamente sem aproveitar os soquetes anteriores, forçando os seus clientes a trocar todo o sistema para manter-se atualizado, entretanto, o fabricante alega que estas mudanças radicais promovem inovações tecnológicas mais importantes.

Vamos falar um pouco sobre a nova plataforma LGA2011 que a Intel lançou no final de 2011 e avaliar algumas características sobre o primeiro chipset que a Intel lançou: o X79, conhecido também com o codinome Patsburg.

...continue reading